fbpx

A escolha do piso não é uma tarefa fácil. É preciso levar em conta o ambiente e o material, já que alguns nos permitem resultados excelentes e um bom custo-benefício, como no caso do laminado.

Antes de qualquer coisa, é preciso decidir em quais ambientes o piso será colocado. O ideal é que sejam utilizados em salas de estar, jantar e quartos, já que transmitem uma sensação maior de conforto. Pisos laminados são os mais escolhidos entre os clientes, pois além do preço acessível, são rápidos e fáceis de colocar, possuem diversas texturas no mercado e sua manutenção é leve.

 

O MATERIAL

É revestido de uma lâmina decorativa e seu interior é feito de HDF ou HPP (elementos obtidos das fibras de madeira) e pode ser encontrado em diferentes padrões. Esse tipo de material não contém cheiro e também dificulta a permanência de agentes causadores de reações alérgicas. É fabricado a partir de madeira de reflorestamento e sua durabilidade é maior do que a dos carpetes devido seu acabamento, que se dá por meio de uma camada de overlay, um filme cristalino de celulose que além de dar brilho ao material, o mantém impermeabilizado.

 

INSTALAÇÃO

Sua aplicação é feita por meio de peças encaixadas e cola. Recomenda-se 24 horas a partir da finalização do processo para que o material esteja completamente seguro. Por serem fabricados a partir de “placas”, pisos laminados podem ser facilmente instalados sobre cerâmica, lajotas de pedras e concreto. Para isso, lembre-se de que a superfície deve estar limpa e seca para receber o piso.

 

MANUTENÇÃO

Atente-se a alguns cuidados exigidos para deixar sua casa ainda mais bonita e prolongar a vida útil de seu piso.

Para a limpeza diária, nada de cera! Nesse tipo de material, a cera forma uma camada de gordura que ao invés de facilitar, dificulta a remoção da sujeira. Para isso, basta usar um pano umedecido em uma solução de água e detergente neutro, sempre bem torcido. O uso do aspirador de pó esporadicamente ajuda a manter o ambiente limpo.

Utilize papel absorvente para remover gordura e evite usar materiais como palhas e esponjas de aço, pois eles riscam a superfície.


Proteja seus vasos de plantas com pratos, para evitar o respingo de água. Uma boa dica também é revestir os pés dos móveis com feltro para diminuir o atrito entre os materiais e evitar riscos e marcas indesejadas.Pisos laminados são sensíveis a líquidos, por isso, não é aconselhável colocá-los em banheiros, varandas, cozinhas ou demais áreas que tenham contato direto com água. Em caso de derramamento de líquido, seque o local imediatamente para evitar manchas.

 

 

 

Texto: Talita Marcondes – redatora da Agência MayPress
Fontes: Hagah Uol Mulher – Casa e Decoração; Uol Estilo – Casa e Imóveis;
 Limpeza de Pisos de Madeira; Faz Fácil; Eucatex; Blog do Grupo Caixa Seguros; LimpNet.

 

 

Share This