fbpx

O Litoral Norte de São Paulo também tem opções para aqueles que gostam de tranquilidade, mas não abrem mão de uma aventura e contato com a natureza. Para esses visitantes, aí vão algumas opções de trilhas que vale a pena conhecer!

 

Ilhabela

Trilha da Cachoeira do Gato: O percurso da trilha é de quatro quilômetros e leva aproximadamente uma hora e 30 minutos. O visitante começa a trilha no canto do ribeirão da Praia de Castelhanos, até chegar à incrível cachoeira de 40 metros de altura.

Trila do Baepi:Localizada no Parque Estadual de Ilhabela, essa trilha exige preparo físico. Seu percurso dura em média seis horas e possui um ponto que chega a 1.048 metros de altitude, proporcionando uma visão panorâmica do arquipélago e de toda a Mata Atlântica da região. Para os afeiçoados em animais, a trilha oferece a possibilidade de encontros com papagaios-moleiro (regionalmente ameaçado de extinção), tucanos e esquilos-caxinguelê.

Trilha da Água Branca: Os cinco poços formados pelas corredeiras do Ribeirão da Água Branca são os principais atrativos da trilha. Com 4,4 quilômetros (ida e volta), alguns trechos possuem inclinações, permitindo que os interessados observem e fotografem aves como o tucano-de-bico-verde.

Trilha da Laje Preta: Conhecida também por Véu da Noiva, esta cachoeira fica ao leste da ilha, em Castelhanos. Por possuir um difícil acesso, a trilha exige a presença de um guia local para acompanhar os visitantes durante todo o trajeto. A caminhada dura cerca de 2 horas.

 

 

Ubatuba

Trilha do Corcovado: Com um trajeto bastante inclinado e pico de 1.160 metros de altitude, seu percurso dura em média de 6 a 7 horas. O alto da pedra oferece uma vista panorâmica de grande parte do litoral norte paulista. Além disso, também é possível observar as inúmeras colinas que compõem o Vale do Paraíba. Recomenda-se o uso de repelentes antes e durante o percurso.

Trilha das Sete Fontes – Gruta do Pirata: Um dos passeios mais agradáveis e surpreendentes da costa ubatubense. Durante o trajeto, o visitante pode se refrescar em duas fontes. Em alguns pontos da costeira, em dias de mar calmo, ainda é possível mergulhar em águas translúcidas que se abrem à frente da gruta.

Trilha da Praia do Sono: A trilha da praia do Sono começa na praia das Laranjeiras, onde se localiza um condomínio de alto padrão entre as cidades de Paraty e Ubatuba. Possui um acesso difícil de aproximadamente 5 horas e resulta em uma maravilhosa e completamente deserta praia.

Trilha da Praia de Fora: Trilha que ligava a região Sul de Ubatuba ao centro, antes da construção da estrada. O caminho também era percorrido por presos fugitivos do presídio da Ilha Anchieta. A Praia de Fora possui apenas 200 metros de expansão e é boa para a prática do surf. Por estar voltada ao leste e frente à Ilha Anchieta, permite que o visitante aviste construções do antigo presídio.

 

São Sebastião

Trilha da Praia Brava – Boiçucanga: Com aproximadamente três quilômetros de extensão, a Trilha da Praia Brava faz parte de uma área sob proteção especial entre Maresias e Boiçucanga, na Costa Sul de São Sebastião. Seu trajeto dura em média 3 horas e conta com dois mirantes ao longo do percurso, onde se tem a visão das praias de Boiçucanga e Cambury, além da Ilha dos Gatos, Alcatrazes e Ilhabela. No final da trilha, o visitante pode desfrutar de uma praia deserta e um rio de água doce.

Trilha no Sítio Jatobá: Ideal para quem gosta de ambientes naturais e tranquilidade, por ser uma trilha de fácil acesso. Possui uma grande diversidade de flora, incluindo espécies ameaçadas de extinção. Ao longo do trajeto, é possível refrescar-se em rios cristalinos.

Trilha do Sítio Arqueológico de São Francisco: Localizado em meio à Mata Atlântica a 260 metros de altitude, o sítio arqueológico conta com restos construtivos de uma fazenda de tráfico de escravos. No local, é possível ver colunas, paredes, escadarias em pedra, muros de contenção, entre outros fragmentos que datam o período de escravidão. A trilha é uma excelente opção para quem, além de aventura, anseia por conhecimento historio. Seu percurso dura aproximadamente quatro horas.

Trilha da Praia Brava – Guaecá: De fácil acesso, seu percurso tem duração de 30 minutos e é realizado através do canto sul da praia de Guaecá. A trilha resulta em uma pequenina praia de areias claras e finas, e mar pouco agitado. Durante o caminho, quem desejar poderá se banhar em uma bela cachoeira.

 

Caraguatatuba

Trilha do Jequitibá: Com pouco mais de 1km, a Trilha do Jequitibá é fácil de ser percorrida. Durante o trajeto, o visitante encontrará muitas espécies de árvores como jequitibás centenários e pássaros. Margeando o Ribeirão Santo Antônio, encontra-se uma piscina natural de águas claras e irresistíveis.

Trilha do Poção:Seu trajeto é composto por uma mata mais fechada, onde predomina a diversidade de palmitos. O visitante também poderá encontrar inúmeras espécies de aves, como tucanos e jacutingas. No final da trilha, há uma piscina natural formada pelas águas do Ribeirão do Ouro. A trilha possui 3.500 metros no total e pode ser percorrida em três horas, ida e volta.

 

 

Redação: Talita Marcondes – Agência MayPress

Fontes

UbaTrip– Guia Turístico de Ubatuba

(www.ubatubatrip.com.br/ecoturismo/trilhas.htm)

CaraguaTrip – Guia Turístico de Caraguatatuba

(www.caraguatrip.com.br/parque-estadual/trilhas.asp)

Portal sobre Caraguá (www.caragua.com.br/turismo_pesm.htm)

Prefeitura Municipal de São Sebastião – Turismo

(www.turismo.saosebastiao.sp.gov.br)

Portal Ilhabela (www.ilhabela.com.br/trilhas)

Share This