fbpx

Quando você pensa em viajar com a família para tirar férias, o que vem à sua mente? Talvez queira descansar, ter contato com a natureza ou fazer atividades que o desconectem do estresse do dia a dia. Como encontrar um destino que una essas nobres vontades? Uma sugestão é fazer as malas e aproveitar os lugares para conhecer em Caraguatatuba.

Para aumentar esse desejo, fizemos um guia completo do que encontrará nessa terra abençoada. Começaremos ensinando o caminho até a cidade, apresentaremos também as suas belezas naturais, passearemos pela gastronomia local e apontaremos as principais atrações noturnas. Acompanhe esse tour com a gente!

Saiba a localização de Caraguatatuba

A bela Caraguatatuba ou Caraguá (como é carinhosamente conhecida) “faz morada” no litoral norte do estado de São Paulo. A distância que separa a cidade da capital é de cerca de 178 km. Porém, o percurso pode ser feito por meio de várias rodovias importantes, como:

  • a Tamoios (SP-99);
  • a Osvaldo Cruz (SP-125);
  • a Mogi-Bertioga (SP-98);
  • a Anchieta/Imigrantes (SP-150);
  • a Rio-Santos (SP-55).

Para aqueles que moram em cidades distantes e querem visitar Caraguá, uma opção é desembarcar em um dos aeroportos da cidade de São Paulo. Depois disso, o restante da viagem pode ser feito de ônibus, pois várias empresas realizam esse trajeto, ou de carro. Não importa qual meio de transporte será usado para chegar a essa cidade litorânea, o destino compensará todo o percurso da viagem.

Entenda os motivos para conhecer essa bela cidade

No livro “Comer, rezar, amar”, da escritora Elizabeth Gilbert, a Liz — personagem principal da história — descobre uma nova razão para a sua vida quando decide conhecer outros lugares no mundo. À medida que visita diferentes países, ela se encanta com a cultura, com as belezas e com o impacto que sente na sua própria essência.

Sem dúvida, a Liz encontrou um bom motivo para empreender essa incrível viagem. Será que existem razões similares para conhecer Caraguatatuba? Com certeza! A seguir, elencaremos várias delas.

Viver aventuras com a família

A maioria das pessoas vive em grandes centros urbanos. Sendo assim, a maior parte do ano, frequentam os mesmos lugares — normalmente cheios de trânsito, correria, barulho e com pouco contato com a natureza. Como é bom mudar esse cenário e viver experiências novas e empolgantes!

Quando o destino é Caraguatatuba, essas aventuras em família estão garantidas. Afinal, a localização litorânea e a presença de Mata Atlântica preservada abre um “leque” de possibilidades para atividades fantásticas, que ficarão marcadas para sempre na memória de todos.

Tenha muitas histórias para contar

Muitos gostam de ouvir uma boa história. Melhor ainda é narrar algo que aconteceu conosco. Esse é um dos benefícios de viajar para Caraguá. Dificilmente um visitante voltará para casa sem ter vivido ou presenciado uma nova experiência. Por que podemos afirmar isso?

Pense na quantidade de interações com pessoas, lugares, atividades e outras situações que um lugar preparado para encantar turistas pode oferecer. Com todos esses estímulos, a probabilidade de acontecimentos interessantes é enorme. Será muito bom poder contá-los e recontá-los para amigos e parentes.

Descanse do seu trabalho

Segundo um artigo publicado pela Gettysburg College, um terço da nossa vida — aproximadamente 90 mil horas — é gasto com o trabalho. Esse conteúdo mostrou também uma entrevista com Andrew Naber (psicólogo e cientista comportamental). De acordo com ele, o tempo que passamos no trabalho afeta diretamente a nossa felicidade e os resultados na vida.

Em resumo, os seres humanos precisam planejar pausas na sua vida profissional. E nada melhor do que passar esse período de repouso em um paraíso náutico chamado Caraguatatuba. Na verdade, essa cidade é um convite para experiências que relaxam e trazem a paz que tanto precisamos. Quando retornarmos à vida normal, as baterias estarão recarregadas.

Realize sonhos

A escritora Annie Dillard falou, em outras palavras, no livro “The Writing Life”, que o modo como usamos os nossos dias é a maneira como passamos as nossas vidas. Pense um pouco: que sentido teria a nossa existência sem a possibilidade de realizar sonhos?

Um dos desejos mais comuns é passar tempo com a família, concorda? Talvez observando coisas simples acontecerem, como a risada das crianças, o vai e vem das ondas do mar ou uma conversa animada entre familiares.

Qualquer um desses anseios pode ser realizado em Caraguatatuba. Afinal, o visitante estará com tempo disponível para curtir momentos especiais, além de um “pano de fundo” deslumbrante: as belezas naturais da cidade.

Descubra as suas belezas naturais

Dentre os lugares para conhecer em Caraguatatuba, podemos destacar os que são símbolos naturais da cidade. Por toda a região, a natureza se mostra rica e bela. Vejamos alguns redutos da fauna e da flora de Caraguá.

Parque natural

Atrás da exuberante faixa litorânea de Caraguatatuba está um importante ecossistema da região: o Parque Estadual da Serra do Mar. Ao todo são 332 mil hectares de floresta preservada, tornando o parque com a maior área contínua de Mata Atlântica preservada do Brasil. Por isso, são vistas muitas espécies de animais, como macacos, capivaras, onças-pintadas e jaguatiricas.

É impossível não se encantar com a sinfonia dos pássaros encontrados na região. Entre eles estão os saíras, sabiás, tangarás e os pintassilgos. Enquanto o turista percorre o parque pelas trilhas de visitação, é fácil observar as árvores nativas da Mata Atlântica como os cedros, ipês, jatobás e os jequitibás.

Ilhas

Em frente às praias estão as belas ilhas do litoral paulista: a da Cocanha e a do Tamanduá. A primeira parece um pedacinho da Mata Atlântica solto em alto-mar. Quem a visita consegue ter contato com uma riqueza natural composta de pássaros, peixes e árvores nativas.

Não é difícil contemplar a ilha, já que a travessia é facilmente feita por barcos. Não importa se o desejo é fazer um mergulho, nadar no mar ou visualizar as belezas de Caraguatatuba de outro ângulo, a ilha de Cocanha surpreende a todo instante.

Já a ilha do Tamanduá é a maior em tamanho e apresenta diversos atrativos para os visitantes. Mesmo tendo um apelo natural muito parecido com o da Cocanha, essa ilha tem algumas particularidades, como a atividade de pesca esportiva, além de passeios de caiaque.

Cachoeiras

Caraguatatuba bem que poderia ser chamada também de o reino das águas. Devido à enorme quantidade de floresta preservada, a cidade possui nascentes que formam riachos, córregos e lindíssimas cachoeiras. Uma delas é a da Pedra Redonda que “insiste” em se esconder no meio da mata e ser acessada apenas por meio de uma trilha.

Mas todo esforço vale muito a pena, pois a queda d’água apresenta uma vista única.  O mesmo cenário perfeito é encontrado na cachoeira do Pau d’Alho. Nesse lugar, formam-se piscinas naturais que chamam os visitantes para um mergulho.

Não podemos deixar de citar a cachoeira do Rio Claro que, assim como as outras, surpreende os turistas com as suas águas cristalinas, quedas e pequenos lagos para banho. Quer uma oportunidade melhor para relaxar e conectar-se com a natureza?

Mergulhe nas melhores praias

Com certeza, as praias de Caraguatatuba são famosos lugares para conhecer na região. E não é sem razão, pois a faixa litorânea da cidade oferece belas enseadas para o descanso e deslumbre dos visitantes. Vejamos algumas das praias mais bonitas de Caraguá.

Brava

Pertinho do centro de Caraguatatuba está a praia Brava, que é ideal para aqueles que não querem muito movimento de pessoas e desejam desfrutar de um local quase particular. O que torna a praia Brava mais tranquila é o percurso para chegar até lá, que não é feito de carro, mas a pé (cerca de 800 metros de caminhada).

Esse caminho que leva à Brava inicia-se em outra praia chamada Martin de Sá. Para muitos, essa pequena caminhada compensa a oportunidade de passar o dia com a família apreciando a paisagem. Normalmente, devido às fortes correntes de água, a praia Brava é frequentada por surfistas, mergulhadores e pescadores.

Massaguaçu

A praia de Massaguaçu tem a faixa de areia mais longa da cidade de Caraguatatuba e uma boa infraestrutura de quiosques, hotéis e restaurantes. Quem decide abrir o seu guarda-sol na areia dessa praia desfruta do visual oceânico em tons de esmeralda e de todo o contorno da famosa Ilhabela. Porém, a praia tem a característica de possuir ondas fortes que favorecem a prática de esportes náuticos.

Além disso, o ofício da pesca é muito apreciado nessas águas — inclusive muitos torneios de pesca são realizados ali. Existe ainda outra razão para conhecer Massaguaçu: a área preservada da rara vegetação Jundu. Essa pequena mata é muito importante para a proteção da biodiversidade da zona costeira e um “tapete” que encobre a areia.

Martim de Sá

Linda por natureza e movimentada por vocação. Essa é uma descrição bem apropriada da praia Martim de Sá, que chama a atenção dos visitantes por causa do grande número de atividades disponíveis e pela infraestrutura de serviços. Ao chegar na Martim de Sá, é fácil observar uma grande quantidade de pessoas andando de bicicleta nas ciclovias, passeando de escuna ou caiaque.

Também existem os praticantes de futevôlei, frescobol e snorkelling. Em torno da praia, os quiosques, bares e restaurantes são muito frequentados por famílias. Um lugar muito bonito para conhecer nessa região é a pedra do Jacaré que fica no encontro das praias do Camaroeiro, Centro e Martim de Sá.

Esse local é acessado por meio de uma pequena trilha. Em vista disso, é necessário um pouco de esforço que logo é compensado por uma vista maravilhosa da formosura de Caraguatatuba. É interessante também tirar fotos da pedra que tem o formato de um jacaré. Para os mais corajosos e que sabem nadar, é possível dar um salto na água.

Cocanha

A praia da Cocanha é uma das “queridinhas” de Caraguá. Principalmente as famílias com crianças curtem as suas águas claras e calmas que são ideais para um banho de mar. Outra vantagem de Cocanha é a sua infraestrutura repleta de serviços e estabelecimentos voltados para os turistas.

A paisagem da praia também impressiona. Além dos coqueiros que são vistos por toda a sua extensão, duas pequenas e charmosas ilhas se exibem para os banhistas. Inclusive, existe um passeio de banana boat e caiaque para os que desejarem chegar perto delas — como é o caso dos amantes do mergulho de observação, que não perdem tempo e querem logo imergir nos arredores das ilhas.

Tabatinga

Para alguns, a praia de Tabatinga é a mais bela de Caraguatatuba. Outros insistem em dizer que é ela tão bonita quanto as demais. Não importa a opinião, essa enseada deslumbra quem decide relaxar nas suas areias fofas. A praia apresenta águas calmas e clarinhas — uma combinação perfeita para os amantes de práticas esportivas como o caiaque, windsurf, esqui-aquático e o stand up paddle.

Uma das razões para a grande movimentação de pessoas nessa praia é a proximidade com a ilha do Tamanduá. Por isso, é um dos pontos para o embarque e o desembarque de lanchas ou barcos que fazem o percurso até a ilha. Aliás, os passeios de barco no litoral norte são grandes atrativos na região.

Outro motivo da movimentação se deve à antiga vila de pescadores que mantém o ofício da pesca bem vivo em Caraguatatuba. Sem falar das inúmeras famílias que lotam Tabatinga em busca de sossego e belezas naturais. Um detalhe interessante da praia é o contraste entre a sofisticação e a simplicidade vistas nos condomínios luxuosos e nas casas tradicionais, assim como nos iates caríssimos e nas modestas canoas dos pescadores.

Mococa

No meio das praias de Cocanha e Tabatinga se encontra a praia da Mococa. Além de possuir todos os atributos comuns das outras enseadas, ela tem uma particularidade: a areia monazítica.

Segundo um estudo feito pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), nas areias monazíticas das praias de Guarapari, a presença do mineral raro (monazita) tem efeitos positivos à saúde, como o alívio de dores, tratamento de inflamações e até a prevenção de alguns tipos de câncer.

Muitos frequentadores da praia da Mococa dizem sentir melhoras na saúde quando estão próximos à areia. Por outro lado, existem outros motivos para os visitantes gostarem dessa enseada. Um deles é a tranquilidade das águas e um cenário perfeito para aproveitar o dia.

Capricórnio

A praia de Capricórnio tem uma longa extensão de areia. Também é muito apreciada por surfistas por causa das suas fortes ondas que chegam à sua orla. Por isso, não é muito indicada para famílias com filhos pequenos que desejam tomar banho de mar. Em contrapartida, a Capricórnio tem um dos cartões-postais de Caraguá que oferece águas bem calmas: a lagoa azul.

O nome já revela muita coisa sobre esse local, mas é importante dizer que ele tem uma vista incrível. Quando o turista chega à lagoa azul se depara com bancos de areia branca que a delimitam e a separam da praia de Capricórnio.

Além disso, o tom azulado dá um charme irresistível a essa lagoa que se cercou ao fundo com o verde da mata nativa. É um lugar ideal para limpar o sal das águas praianas, mergulhar e se divertir com as crianças. Existem também muitas atividades de lazer e uma modesta infraestrutura de serviços no local.

Encha a sua agenda de atividades interessantes

Um dos fatores mais interessantes de Caraguatatuba é a diversidade de atividades oferecidas que vão além de tomar banho de mar. Dessa forma, toda a família pode se divertir e criar um roteiro cheio de opções de lazer. Vejamos algumas atividades para incluir na agenda de férias em Caraguá.

Fazenda dos mexilhões

Quem vai a Caraguá precisa conhecer a fazenda dos mexilhões que é um lugar de aprendizado voltado para a sustentabilidade ambiental. Estima-se que a fazenda produza em torno de oito milhões de toneladas de mexilhões por ano.  Essa fartura se deve às condições ambientais favoráveis encontradas na praia da Cocanha – endereço da fazenda – que contém barreiras naturais que impedem o impacto de fortes ventos e ondas.

Chegando nesse reduto da mitilicultura, o guia ensina como são realizadas as técnicas ecologicamente corretas para a criação, consumo e comercialização dos mexilhões. Dessa forma, impede-se a pesca predatória, que envolve remover os mexilhões das paredes de costões — algo que desequilibra o ecossistema local.

Sendo assim, os moradores e visitantes de Caraguatatuba podem apreciar os deliciosos pratos feitos com esses frutos do mar com a consciência tranquila. Sem dúvida, visitar a fazenda dos mexilhões é aprender a respeitar a natureza!

Feirinha

Toda cidade litorânea de respeito tem uma feira de artesanato. Em Caraguatatuba, a tradicional feirinha cheia de barracas fica localizada na praça Diógenes Ribeiro de Lima, no bairro Centro. É um excelente passeio a ser feito em família para conhecer um pouco sobre os produtos e comidas típicas da região.

Como a feira funciona a partir do fim da tarde e se estende até a noite, é possível apreciar também o movimento das águas do mar logo ali perto. Não esqueça de aproveitar e levar uma lembrancinha personalizada de Caraguá para parentes e amigos.

Museu

O passado de Caraguatatuba passa pelo Museu de Arte e Cultura (MACC) localizado na praça Doutor Cândido Motta. Nesse lugar, encontra-se uma exposição permanente que conta a história da região por meio de fotos, documentários, objetos e telas pintadas. Há no museu uma sala dedicada à tradicional vida da cidade, com uma moradia e casa de farinha.

Em outro setor interno, o visitante percorre muitos trabalhos artísticos feitos por pessoas locais e de outras regiões. De uns anos para cá, o MACC se modernizou por implantar tecnologias interativas para o público.

Até mesmo os documentários e depoimentos de moradores antigos, disponíveis no acervo do museu, estão digitalizados. Desse modo, o visitante consegue acessá-los facilmente por meio de monitores LCD. Caso queira, é possível registrar presença, dar uma opinião e cadastrar um e-mail para receber muitas informações sobre exposições.

Aventuras

Para os aventureiros que não dispensam uma caminhada no meio da natureza, Caraguá oferece trilhas sensacionais. As principais estão dentro do Parque Estadual da Serra do Mar. Uma delas é a trilha do Jequitibá, que tem pouco mais de 1 km de extensão e é facilmente percorrida por famílias com filhos pequenos.

Durante o percurso, a mata nativa se abre para mostrar pássaros, árvores centenárias (como o Jequitibá), plantas belíssimas e, ainda, o Ribeirão de Santo Antônio. É muito difícil resistir a um mergulho nas águas claras de uma piscina natural como essa.

Outra trilha indispensável para quem tem mais disposição para andar é a do Poção. Ela leva o visitante para o “coração” da Mata Atlântica, entre diversas espécies de aves raras como o tucano e jacutingas. Sem falar das inúmeras espécies de árvores preciosas que compõem o equilíbrio da floresta. Quem curte mergulhar, terá a oportunidade de desfrutar da piscina natural formada pelo ribeirão do Ouro. Ao todo, a trilha do Poção leva três horas (incluindo a ida e a volta) para ser percorrida.

Para os que gostam de voo livre e asa delta, uma opção é a rampa para salto do Morro de Santo Antônio. Mesmo para quem não curte esse esporte, vale a pena observar os saltos e a linda vista da enseada de Caraguá.

Vida noturna

Se bater uma vontade de sair à noite, o visitante encontrará diversos lugares de portas abertas para uma curtição com amigos ou parceiros românticos. Existem casas noturnas por toda a cidade que têm ambiente climatizado, ótimos drinks e muita música. Por outro lado, aqueles que preferem locais abertos para sentir a brisa noturna amarão sentar nos barzinhos espalhados pelas orlas das praias.

Neles, são servidos deliciosos petiscos e bebidas, além de atrair muita gente bonita. Porém, as famílias com filhos pequenos não precisam ficar dentro de casa. Afinal, há bares que possuem um ambiente mais familiar e muitos restaurantes, bem como lanchonetes na cidade.

Outra bela pedida é passar o Carnaval no litoral paulista. Além das atrações de Caraguatatuba, há atividades que ocorrem nas proximidades, que incluem competições de surfe, baladas e todo tipo de diversão.

Gastronomia

A cultura gastronômica da cidade é percebida dos restaurantes. Por exemplo, alguns pratos servidos têm como base os frutos do mar. Outros oferecem um cardápio nos moldes da gastronomia italiana, francesa, árabe e mediterrânea. Até mesmo a comida japonesa e a chinesa marcam presença em Caraguatatuba.

Embora eclética, a culinária da cidade tem seus representantes regionais. Um deles é o peixe-frito com farofa e banana — um prato que remonta o período colonial. Outra delícia é a farofa de tainha, que apresenta um sabor bem marcante.

Sem dúvida, a moqueca caiçara é uma das comidas mais gostosas e difere da baiana e da capixaba por ser mais sequinha e ser apresentada dentro de uma folha de bananeira. Podemos apontar também o bolinho de camarão com abóbora e a lula à dorê como pratos locais irresistíveis.

Bem, depois de descobrir tantos atrativos, temos certeza de que cresceu a ansiedade de chegar logo as férias ou datas especiais como o carnaval. Aliás, você já pensou em passar o réveillon em Caraguatatuba? Fazendo as malas para essa linda cidade litorânea, tenha certeza de que a sua família nunca esquecerá os momentos vividos nela.

O que achou de nosso artigo? Curtiu o guia completo sobre lugares para conhecer em Caraguatatuba? O que acha de compartilhar esse artigo com os seus amigos das redes sociais? Deixe-os curtirem Caraguá também!

Share This