fbpx

Uma excelente opção de lazer para toda a família é a compra de uma casa na praia para aproveitar os finais de semana, feriados ou férias. Além de poder descansar e unir todos os entes queridos, esse programa promete muita diversão, como os passeios em alto-mar.

Nesse sentido, é válido entender um pouco sobre as embarcações mais comuns e como é a vida náutica do local escolhido para ter esse imóvel. Neste post falaremos sobre o litoral norte de São Paulo e, ainda, mostraremos alguns tipos de barcos para você escolher o ideal para usar nessa região. Continue a leitura para conferir!

Quais são os principais tipos de barcos?

Veleiro

O veleiro é uma embarcação pequena, que funciona por meio do vento. Esse modelo dispõe de um conjunto de velas de tecido bem denso que são esticadas em um mastro. Assim, conforme o vento atinge essa estrutura, o barco vai se movimentando. O velejador controla o veleiro, podendo aumentar e diminuir a sua velocidade.

Essa opção é muito utilizada em competições esportivas, mas também é comum em atividades de lazer.

Escuna

A escuna funciona, basicamente, como o veleiro, com a diferença de que é uma embarcação maior. Por isso, tem dois mastros para impulsionar seu casco mais pesado. Esse barco é muito utilizado nos litorais, especialmente para os passeios turísticos.

Lancha

A lancha é uma embarcação movida a motor, muito usada nas atividades de lazer e também profissionais, como o mergulho e a pesca.

Geralmente, tem entre dois e quatorze lugares disponíveis — dependendo do modelo e tamanho — e pode ser utilizada em várias superfícies, como mares, rios e lagoas.

Trawler

Para quem gosta de praticar a pesca esportiva, essa é uma boa opção. O trawler é muito usado em alto-mar e dispõe de muita comodidade e segurança — sendo indicado, até mesmo, para navegação em águas revoltas.

Ele se move por meio de um motor de popa e pode transportar mais de dez pessoas de forma confortável.

Como funciona a vida náutica no litoral de São Paulo?

Além de saber sobre alguns dos principais tipos de barcos, é interessante também entender como funciona a vida náutica e as suas atrações.

O litoral norte de São Paulo conta com diversas praias paradisíacas que são cenários perfeitos para os passeios de barco.

O Arquipélago de Alcatrazes, por exemplo — localizado a 45 km da costa de São Sebastião — tem uma beleza exuberante, que abriga um dos maiores ninhais do país. Para se ter uma ideia, 91 espécies de aves foram registradas no local.

Sua vegetação é caracterizada pela mata atlântica e campos rupestres, ou seja, muita área verde em volta! Além da linda paisagem, o arquipélago é patrimônio arqueológico, histórico e cultural da região.

Com tantas espécies presentes no lugar (e muitas delas, inclusive, ameaçadas de extinção), o local só foi aberto para o turismo náutico há pouco tempo e, mesmo assim, só pode ser feito por empresas autorizadas. Mas, felizmente, agora é possível fazer mergulhos autônomos ou visitas embarcadas com mergulho de flutuação e observação da fauna marinha, que conta com diversas espécies de peixes, tartarugas e até golfinhos.

Depois de entender sobre os principais tipos de barco, é possível escolher a melhor opção para fazer muitos passeios no litoral norte paulista, aproveitando as atrações e belas paisagens da região com toda a família.

Tem mais alguma dúvida sobre a vida náutica no litoral de São Paulo? Então aproveite para trocar informações nos comentários abaixo!

Share This