fbpx

Na próxima sexta-feira, 28, será publicado o edital para a duplicação do trecho de serra da Rodovia dos Tamoios (SP-99), entre o km 60,45 e o km 82. O vencedor da PPP (Parceria Público Privada) também ficará responsável pelos serviços de operação, manutenção e conservação da Rodovia, nos trechos de planalto e serra (do km 11,5 ao km 83,4) e nos contornos de Caraguatatuba e São Sebastião.

“Fizemos uma reunião com o Codivap (Consórcio de Desenvolvimento Integrado do Vale do Paraíba) para tratar da nova Tamoios. São R$ 2,9 bilhões para uma nova estrada, ligando o Vale e o Litoral de São Paulo. A PPP será publicada sexta-feira, e até setembro o contrato estará assinado. A concessão é de 30 anos, manutenção de toda a Tamoios, no trecho de São José até Caraguatatuba”, disse o governador Geraldo Alckmin.

Estão previstos também a construção de 12,6 km de túneis e 2,5 km de viadutos. As obras devem começar ainda em novembro deste ano. Serão, ao todo, R$ 2,9 bilhões em investimentos, mais R$ 1 bilhão aplicados ao longo dos 30 anos do contrato de concessão. Participam da concorrência empresas nacionais, estrangeiras, fundos de investimentos e entidades de previdência complementar – isoladamente ou em consórcio.

A concessão prevê a implantação de três praças de pedágio: duas no trecho de planalto (km 15,7 e km 56,6) e uma no Contorno de Caraguatatuba. A tarifa será de R$ 0,1080 (dez centavos por quilômetro), mas cobrança só será autorizada a partir do segundo ano de contrato e estará condicionada a conclusão dos serviços previstos no Programa Intensivo Inicial (PII).

 

 

 

 

Do Portal do Governo do Estado

Foto: Divulgação (O Vale)

 

 

Share This